Urologia

Urologia


Conheça os principais tratamentos da área de Urologia oferecidos pela Clínica Prime Care!

O Dr. Fábio realiza cirurgias utilizando técnicas tradicionais e Cirurgia minimamente invasiva (Endourologia, Laparoscopia, Robótica e Microscopia).


Atuamos em diversas áreas da Urologia, tratando patologias e cirurgias, destacando-se entre elas:

  • Estenose de Junção Uretero-piélica (JUP)
  • Tumores de adrenal (benignos e malignos)
  • Cálculos renais
  • Cálculos ureterais
  • Esterilização masculina (vasectomia)
  • Hiperplasia (crescimento) da Próstata
  • Infertilidade masculina e Andrologia
  • Varicocele (varizes escrotais)
  • Fimose (adultos e crianças)
  • Criptorquidia (testículo não descido)
  • Urologia Reconstrutiva
  • Câncer de próstata
  • Câncer de bexiga
  • Câncer de rim
  • Câncer de testículo
  • Disfunções sexuais (Impotência/ Ejaculação precoce)
  • Doenças sexualmente transmissíveis (DST)
  • Incontinência urinária
  • Infecções urinárias de repetição

Cirurgia de adrenal

Glândulas Adrenais

As glândulas adrenais (ou suprarrenais) localizam-se acima dos rins. São responsáveis pela produção de hormônios que regulam o nosso metabolismo.

Os principais hormônios são:

Glicocorticóides (Cortisol)

Atuam no metabolismo como um todo, regulando funções de vários órgãos.

Mineralocorticóides (Aldosterona)

Atuam no controle da pressão arterial. – Andrógenos (DHEA-Sulfato, Adrostenediona) – Atuam nas funções dos órgãos sexuais

Catecolaminas (Adrenalina, Noradrenalina)

Os hormônios do “stress”, atuam também no sistema cardiovascular.

Atualmente com o aumento do uso dos exames de imagem para check-up passou-se a encontrar mais alterações nas adrenais, como por exemplo, nódulos, os chamados “Incidentalomas”. São alterações que, na maioria das vezes, não causam nenhuma alteração de produção hormonal, mas devem ser acompanhadas.

Existem numerosas doenças que podem afetar o funcionamento das glândulas adrenais. Algumas delas podem necessitar de tratamento cirúrgico, como por exemplo:

  • Tumores adrenais produtores de andrógenos
  • Hiperaldosteronismo primário
  • Feocromocitoma
  • Carcinoma de adrenal
  • Síndrome de Cushing causada por nódulo adrenal produtor de cortisol
  • Mielolipoma
  • Hiperplasia Macronodular
  • Metástases que acometem a adrenal