top of page
  • Foto do escritorPrime Care

Linfonodos Cervicais e Linfonodomegalias: O que você precisa saber

Os linfonodos, frequentemente referidos como "gânglios linfáticos", são componentes vitais do sistema imunológico, atuando como filtros para substâncias potencialmente prejudiciais e ajudando no combate a infecções. Localizados ao longo do corpo, incluindo a região cervical (pescoço), eles podem aumentar de tamanho por diversas razões. Este aumento, conhecido como linfonodomegalia, pode ser um sinal de alerta para condições subjacentes variando de infecções a doenças mais graves.

 

Por que os linfonodos aumentam?


O aumento dos linfonodos, especialmente na região cervical, é uma queixa comum e geralmente

associado a:


●     Respostas inflamatórias: Reação a infecções ou feridas.

●     Processos infecciosos: Como resfriados, garganta inflamada, e outras infecções virais ou bacterianas.


Embora muitas vezes o aumento dos linfonodos seja benigno e temporário, a persistência ou o surgimento de sintomas adicionais pode exigir uma investigação mais aprofundada.

 




Sinais de alerta associados à linfonodomegalia


Determinados sintomas podem indicar a necessidade de atenção médica mais imediata, especialmente se acompanhados de aumento dos linfonodos:


●     Perda de peso inexplicável: Sem mudanças na dieta ou exercício.

●     Febre recorrente: Sem causa aparente.

●     Sudorese excessiva: Principalmente noturna.

●     Alterações na voz ou respiração, dificuldade para engolir.

●     Aparição de feridas: Na pele ou mucosas.

●     Endurecimento dos linfonodos: Indicativo de uma possível condição maligna.

●     Adesão aos tecidos adjacentes: Sinalizando potencial invasão de estruturas vizinhas.

 

Quando procurar um especialista


Diante de qualquer um destes sinais, especialmente se os linfonodos permanecerem aumentados por mais de duas semanas ou se apresentarem características preocupantes (como endurecimento ou adesão), é crucial procurar a avaliação de um especialista em cirurgia de cabeça e pescoço. Este profissional pode solicitar exames complementares, como ultrassonografias, tomografias, ou biópsias, para determinar a causa subjacente do aumento dos linfonodos e propor o tratamento adequado.

 




Conclusão


Enquanto o aumento dos linfonodos cervicais pode ser uma resposta normal do corpo a infecções ou inflamações, a persistência deste sintoma ou o surgimento de outros sinais de alerta não devem ser ignorados. Uma avaliação médica especializada é fundamental para garantir o diagnóstico correto e o tratamento adequado. Lembre-se: a detecção precoce e a intervenção médica são essenciais para o manejo eficaz de qualquer condição de saúde.

15 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page